Jabuticaba

Myrciaria spp (Plinia spp)

 Jabuticaba, uma fruta deliciosa e Brasileira!

    A Jabuticaba é uma fruta tipicamente brasileira e muito apreciada no País. O Brasil é o centro de origem de todas as espécies de jabuticabeira conhecidas. Mesmo existindo nove espécies conhecidas, os frutos atualmente consumidos são provenientes de três espécies: Plinia jaboticaba, conhecida como Sabará, cultivada principalmente em Minas Gerais; Plinia cauliflora, Açu-paulista, com distribuição de São Paulo até norte do Rio Grande do Sul; e Plinia trunciflora, ou jabuticaba de cabinho, de ocorrência generalizada, sendo esta a espécie que apresenta a maior diversidade de frutos.

  Alguns viveiristas estão comercializando mudas de jabuticabeira híbrida, com produção precoce e mais de duas safras por ano, porém a origem desse genótipo não está totalmente elucidada. Portanto, é notável a variabilidade genética existente entre jabuticabeiras cultivadas em vários locais do Brasil, que se expressa também na qualidade de seus frutos, a jabuticaba.

 

Propriedades da Jabuticaba

  A jabuticaba é uma fruta ideal para a saúde, sua polpa possui poucas calorias e carboidratos, e possui grandes quantidades de vitamina C e outras vitaminas como a vitamina E, o ácido fólico, Niacina, Tiamina e Riboflavina. Possui ainda minerais como potássio, cálcio, magnésio, ferro, fósforo, cobre, manganês e zinco.

  Um grande diferencial são as propriedades da sua casca, pois ela é rica em antocianina. As antocianinas são encontradas normalmente em frutas e flores com coloração que varia do vermelho e azul e estudos dizem que ela possui propriedades antioxidantes e ajuda a combater os radicais livres. Outra substância importante, contida na casca da jabuticaba, é a pectina, que é uma fibra solúvel.

                                                               

Para que serve a casca? 

  Antocianidina: Como ela possui propriedade antioxidante e é capaz de reduzir e combater os radicais livres, que são responsáveis por inflamações, intoxicações e o envelhecimento da nossa pele, as antocianinas podem trazer vários benefícios da jabuticaba, como:

     ► Ajuda na recuperação da elasticidade e firmeza da pele, sendo uma boa combatente de rugas, e até mesmo podem ajudar na queda de cabelo;

    ► Auxilia na redução da produção de histamina, desta maneira, ela pode ajudar a aumentar a resistência do corpo, diminuir o colesterol ruim e combater os radicais livres;

Outros Benefícios:

  Vasos sanguíneos: As cascas das jabuticabas também ajudam a fortalecer os vasos sanguíneos, prevenindo doenças relacionadas a eles, como varizes e derrames;

  Memória: Podem auxiliar na melhora da memória, pois protegem células do cérebro, sendo muito recomendadas para pessoas com idade mais avançada;

  Melhoram a resistência física: Incluindo a disposição energética e elasticidade muscular, e até mesmo podendo melhorar a visão;

 

  Anti-inflamatório: Sua propriedade anti-inflamatória pode ajudar a aliviar as dores da artrite e outras doenças inflamatórias;

 Pectina: Esta fibra solúvel tem a capacidade de reduzir a velocidade de absorção das propriedades dos alimentos conforme são ingeridos. Desta maneira, os benefícios da jabuticaba advindos da pectina são:

   Além de também ser indicada para pessoas com hipoglicemia ou diabetes, por equilibrar o nível de glicose no sangue, contribui também para a desintoxicação do nosso corpo, pois auxilia na remoção de alguns metais pesados e substâncias tóxicas. Desta forma, melhora a função da vesícula biliar e diminui o risco de cálculos biliares;

   A pectina também ajuda no combate de colesterol alto e da obesidade;

   A pectina também pode auxiliar no funcionamento saudável do trato digestivo, proporcionando movimentos intestinais mais regulares e prevenindo contra a constipação e diarreia;

 Se feito um chá da casca da jabuticaba e acrescentado mel (ou fazer um xarope), os benefícios da jabuticaba estendem para auxiliar pessoas com anemia, estresse, asma, bronquite, amigdalite, gripes e resfriados.

Para que serve a polpa da jabuticaba?

 

  O ferro contido na sua polpa pode combater a anemia;

 O fósforo, juntamente com outros minerais, podem auxiliar no melhor desempenho do metabolismo de energia no nosso corpo; ele também ajuda a combater o estresse e a aumentar a imunidade do organismo;

 A vitamina C é conhecida como uma aliada do nosso corpo no combate à gripe, também pode ajudar em infecções no geral, e ainda auxiliar em casos de alergia, asma, glaucoma, varizes, hipertensão arterial, anemia, fadiga crônica, etc;

 A Niacina, ou também chamada de vitamina B3, se não ingerida em quantidade suficiente, pode causar indigestão, erupções na pele e fraqueza muscular;

 Como a polpa desta fruta possui altos níveis de minerais como o cálcio, potássio e magnésio, os benefícios da jabuticaba podem se estender aos nossos ossos e dentes, pois estes minerais ajudam a fortalecê-los, prevenindo de doenças mais graves, como a osteoporose;

 Por possuir ácido fólico e ferro, esta fruta também pode ser muito recomendada à mulheres grávidas, pois pode auxiliar no crescimento e desenvolvimento do feto;

Cultivando 

    Antes de mais nada, é importante saber que a jabuticabeira gosta de umidade, muita umidade. Isso pode significar em períodos muito quentes, como o Verão de Paranaguá, a necessidade de mais de uma irrigação por dia até que a muda se adapte ao solo escolhido. Siga o passo a passo abaixo para que sua pequena muda se torne uma grande árvore jabuticabeira. As dicas são do profissional da Belvedere Plantas, Benedito Adão do Vale.

 

1. Escolha do local

 A jabuticabeira é uma árvore grande. Pensando no longo prazo, escolha um terreno com bom espaço livre para seu desenvolvimento. No futuro, além de saborosos frutos, ela poderá render uma boa sombra para os dias de folga;

 

 

2. Preparação do terreno

 

 Faça uma cova na dimensão 40 cm x 40 cm x 40 cm. É um tamanho suficiente para o estágio de desenvolvimento da muda. Preencha a cova com esterco de galinha ou húmus de minhoca – isso ajudará no processo de crescimento da planta. Retire a muda do plástico de proteção e use a terra retirada do buraco para preencher o espaço vazio sem forçar muito para não quebrar a raiz.

 

3. Irrigação

 

 Em dias muito quentes, faça a irrigação da muda de manhã e à noite. Se o solo for muito seco, será necessário realizar a técnica de gotejamento para manter a umidade da terra. Uma solução caseira para fazer esta tarefa pode ser usar uma garrafa pet com um furo na tampa: encha de água e a coloque de ponta cabeça, presa próxima da base da muda. AS gotas cairão aos poucos e vão garantir a umidade certa do solo.

 

4. Adubação

 

 Além do adubo utilizado na hora de fazer o plantio, o depósito de matéria orgânica na base da planta ajuda no seu crescimento. Cascas de frutas, verduras e legumes podem ser colocados próximos da muda para que sua decomposição garanta um solo rico. Mas cuidado: evite colocar cascas verdes ou pedaços de grama recém-cortados, isso pode trazer fungos para sua planta.

 

 Plantando uma muda de jabuticabeira da espécie Sabará, que não é enxertada, os primeiros frutos da árvore podem levar até 15 anos para surgirem.

Jabuticaba

Myrciaria spp (Plinia spp)

Fotos de algumas Variedades
Jabuticaba Coroada ou Olho de Boi
( Myrciaria coronata )
Jabuticaba Paulista
( Myrciaria cauliflora )
Jabuticaba Sabará
( Myrciaria cauliflora )
Jabuticaba Híbrida
( Myrciaria cauliflora )
Jabuticaba Sabará Rajada
( Myrciaria cauliflora )
Jabuticaba Ponhema
( Myrciaria cauliflora )
Jabuticaba Branca
( Myrciaria aureana )
Características: