Veja algumas Características e variedades de Abóboras:

Cultivando

 

Clima

 

 As abóboras são plantas que crescem melhor em clima moderadamente quente, sendo o ideal temperaturas médias acima de 18°C e abaixo de 27°C. As plantas podem ser prejudicadas por temperaturas abaixo de 10°C e não suportam geadas. As espécies C. máxima e C. pepo são mais tolerantes a temperaturas mais baixas do que as espécies C. moschata e C. argyrosperma, que suportam melhor altas temperaturas.

 

Luminosidade

 

 As abóboras e morangas crescem melhor em locais ensolarados, mas podem ser cultivadas com sombra parcial, desde que haja uma alta luminosidade.

 

 Uma proteção pode ser colocada embaixo da abóbora em crescimento para que o fruto não fique em contato com o solo. 

 

 Cultive em solo bem drenado, fértil, rico em matéria orgânica e com boa disponibilidade de nitrogênio. O pH ideal do solo varia entre 5,5 e 6,8.

 

Irrigação

 

 Irrigue de forma a manter o solo sempre úmido, sem que fique encharcado. Plantas adultas podem ser resistentes a curtos períodos de seca.

 

 A aboboreira geralmente cresce bastante, assim uma vara pode ser fincada verticalmente no local onde as sementes são semeadas para marcar o centro da futura planta, permitindo direcionar a irrigação e evitar o desperdício de água.

 

Plantio

 

 Semeie as sementes de abóbora ou moranga no local definitivo, fazendo covas de 45 cm de profundidade e 60 cm de diâmetro para cultivares cujas plantas têm grande porte, e de 30 cm de profundidade e 50 cm de diâmetro para cultivares menores. A terra retirada de cada cova deve ser adubada com esterco bem curtido, húmus de minhoca ou composto orgânico. Após fechar a cova com a terra já adubada, irrigue e coloque 2 ou 3 sementes em um pequeno buraco de cerca de 2 cm de profundidade.

 

 As sementes também podem ser semeadas em vasos pequenos, saquinhos plásticos ou copinhos de 10 cm de altura e 5 cm de diâmetro feitos com papel jornal. O transplante das mudas de abóbora para o local definitivo pode ser feito quando as mudas têm três folhas verdadeiras.

 

Tratos culturais

 

  No início do cultivo, retire plantas invasoras que estejam concorrendo por nutrientes e recursos.

 

 Como outras cucurbitáceas, as aboboreiras são monoécias, ou seja, apresentam flores masculinas e flores femininas, embora cada planta produza os dois gêneros de flores. Flores masculinas produzem pólen e não formam frutos. Flores femininas têm um ovário inferior que lembra uma minúscula abóbora e este se desenvolve no fruto quando a flor é polinizada.

 

 A presença de insetos polinizadores, principalmente abelhas, é necessária para a polinização das flores e a formação dos frutos. Se não houver abelhas e não houver formação de frutos, realize a polinização das flores manualmente com a ajuda de um pequeno pincel de cerdas suaves, transferindo o pólen das flores masculinas para as flores femininas. Outra alternativa é colher algumas flores masculinas e esfregar levemente as anteras carregadas de pólen destas flores no estigma das flores femininas.

 

 Quando a floração se inicia, surgem apenas flores masculinas. As flores femininas começam a aparecer bem depois (de duas semanas a um mês ou mais). Altas temperaturas e dias longos aumentam a proporção de flores masculinas, que todavia sempre são mais numerosas que as flores femininas. As flores se abrem apenas por algumas horas, no início da manhã.

 

 Algumas cultivares híbridas de abóbora podem produzir poucas flores masculinas e nenhum pólen, assim outras cultivares de abóbora da mesma espécie devem ser cultivadas no mesmo local para que a polinização dos híbridos seja possível (informe-se com o fornecedor das sementes híbridas sobre quais cultivares são adequadas para a polinização).

   

A colheita da abóbora ou da moranga pode começar de 85 a 150 dias depois do plantio, dependendo da cultivar e das condições de cultivo. Colha a abóbora quando o talo do fruto ficar amarelo ou marrom, podendo até chegar a rachar em algumas cultivares. Se a abóbora não for consumida brevemente, colha o fruto com o maior comprimento de talo possível. Frutos sem talo podem estragar mais rápido e são menos valorizados quando são utilizados para fins de decoração.

Pragas que atacam a abóbora e moranga

 

 As principais pragas que atacam a abóbora e moranga são: mosca-branca, pulgão, broca-do-fruto, vaquinha e ácaro. Utilizar os seguintes produtos para controle: azinphos, ethyl, carbaryl, diazino, malathion, etc.

 

 

Doenças que atacam a abóbora e moranga

 

 As principais doenças que atacam a abóbora e moranga são oídio, míldio, vírus mosaico e podridão do fruto. Os produtos usados para controle: benomyl, captan, enxofre, fenarimol, folpet, etc.

 

► Dicas

 

► Faça a rotação com cereais e hortaliças folhosas.

 

► Cuidado na aplicação de água: água em excesso pode matar a planta, mas na falta a planta não se desenvolve bem.

 

► Fazer  o desbaste da abóbora e moranga na fase de uma ou duas folhas, deixando uma planta por cova.

 

► Tratos culturais com capinas e herbicidas.

 

► Não aplicar defensivos no período da manhã para não prejudicar a atividade dos insetos polinizadores, principalmente das abelhas.

Abóbora
Cucurbita pepo
Receitas - Os benefícios das Sementes de Abóbora

  Grande parte parte dos benefícios da abóbora está nas sementes. As sementes de abóbora são verdadeiros tesouros escondidos. Elas são ricas em fibras e ácidos gordos monoinsaturados que contribuem para a proteção do aparelho cardiovascular e da pele. Elas também são fontes de proteínas, minerais e vitaminas.

 Estudos sugerem que o consumo diário de apenas 30 gramas de sementes de abóbora pode trazer inúmeros benefícios à saúde devido à sua concentração de proteínas, magnésio, potássio e zinco. Benefícios como redução do crescimento da próstata, relaxamento dos vasos sanguíneos, diminuição do risco de pedras nos rins e bexiga, e prevenção à depressão.   Pesquisas também mostram que as sementes possuem alta concentração de fitoesteróis, substâncias que reduzem a absorção de colesterol e podem prevenir alguns tipos de câncer.

 

 As sementes de abóbora também contêm um aminoácido chamado triptofano, ele ajuda na formação da serotonina, hormônio essencial para manter o bom-humor, controlar o sono, o estresse, a depressão e a ansiedade.

 As sementes de abóbora podem ser consumidas cruas para se preservar todas as suas gorduras saudáveis. Para tanto, espalhe as mesmas em uma forma e deixe secar ao sol.                                                

Receitas com Abóboras

Sementes de Abóbora Assadas 

 Um tira-gosto saudável e com muitas possibilidades de variação.

 Deixe as sementes de abóbora já limpas secarem bem e espalhe-as em uma assadeira. Leve ao forno pré-aquecido com os temperos que preferir. Tradicionalmente elas são tostadas com azeite e sal, mas você pode usar mel, açúcar e canela, orégano, manteiga e alho e até mesmo um pouco de pimenta ou manjericão.

 

 Dica: As sementes de abóbora torradas podem ser moídas e transformadas em uma farinha nutritiva para ser adicionada a vitaminas, saladas e molhos.                                                                     

 Doce/Geleia de Abóbora

 Uma receita fácil e muito nutritiva. A geleia é deliciosa para ser comida com bolacha de água e sal, ricota ou sobre uma fatia de queijo branco.

 Ingredientes:

► Uma abóbora grande 

► Água

► Açúcar

► Sal

► Canela

Modo de preparo:

 Abra a abóbora e remova as sementes com cuidado para não tirar também as fibras que envolvem as sementes, pois elas dão textura à geleia.

 Lave bem as sementes e reserve-as.

 Remova a casca da abóbora e corte a polpa em cubos. Coloque os pedaços em uma panela grande com pouca água (o suficiente para não queimar), adicione açúcar a gosto e uma pitada de sal e deixe ferver até que a abóbora fique macia.

 Amasse com um amassador de batatas ou bata no liquidificador se preferir a geleia mais cremosa. Adicione canela em pó a gosto. 

A Abóbora é uma fruta?

 

   Sim, botânicamente falando ela é um fruto. A abóbora é um alimento que contém, entre as suas propriedades, uma carga enorme de vitaminas e minerais, baixo índice de calorias, nada de colesterol e zero de gorduras saturadas. Além disso, é rica em fibras e fácil de ser incorporada ao cardápio diário devido à facilidade do seu preparo e à variedade de receitas nas quais sua polpa e suas sementes podem ser usadas.

 Os benefícios da abóbora são muitos e o seu consumo é frequentemente recomendado por médicos tanto para o controle do colesterol e em programas para perda de peso, quanto no tratamento e prevenção de muitas doenças. É o que veremos adiante.

 

Propriedades nutricionais da abóbora:

 

 De acordo com o departamento de agricultura dos Estados Unidos, um copo de polpa de abóbora cozida contém 49 calorias, 1,76 gramas de proteína, 0,17 gramas de gordura, 0 de colesterol, 12 gramas de carboidratos, 3g de fibras e 5.1g de açúcar.

 Uma porção como esta concentra mais de cem por cento da necessidade diária de vitamina A para um adulto, além de 20% da necessidade de vitamina C e mais de 10% do que nosso corpo precisa de vitamina E diariamente. Ela também é rica em vitaminas do complexo B e fonte de minerais como cobre, cálcio, fósforo e potássio. Um copo de abóbora contém 564 mg de potássio, o que significa mais potássio que uma banana média.   

 

Os Benefícios da Abóbora para Saúde

 

 

 

 As abóboras são baixas em caloria, elas fornecem apenas cerca de 25 calorias por 100 gramas de consumo. Elas são ricas em carboidratos e fibras alimentares. Abóbora também é uma boa fonte de vitaminas e contêm Vitamina A, Vitamina B, Vitamina C, Vitamina E e Vitamina K. Minerais, como o Ferro, o Cálcio, Magnésio, Fósforo, Manganês e Zinco são encontrados nas mesmas. 

 

 Benefícios da abóbora e suas Sementes em reduzir o colesterol: O consumo de abóboras pode diminuir o nível de colesterol no organismo. Ela não contém colesterol. Além disso, suas sementes contêm fitoesteróis, que são conhecidos em reduzir o colesterol LDL (ruim) e aumentar o bom colesterol HDL (bom). Os fitoesteróis limitam a absorção de colesterol no corpo. Os pesquisadores descobriram que o consumo de sementes de abóbora pode diminuir o nível de colesterol LDL em cerca de 75% e pode aumentar o colesterol HDL em 15%.

 

 Ajuda a perder peso: De acordo com o especialista em nutrição Dr. Jonny Bowden, a abóbora é um alimento ideal para quem precisa perder peso por conter poucas calorias e ser rica em fibras. E esse é um dos benefícios da abóbora mais buscados de fato. Um copo de abóbora contém 3g de fibras, aproximadamente 50 calorias e nenhuma gordura. Por ser nutritiva e conter fibras, o vegetal aumenta a sensação de saciedade e prolonga o processo de digestão, o que leva a pessoa a comer menos. Segundo o Dr. Bowden, consumir fibras na dieta diminui a taxa de absorção de glicose no organismo, o que mantém o nível de açúcar estável. Ele explica que se você está de dieta, é importante manter o seu nível de açúcar no sangue o mais estável possível, porque o aumento deste nível desencadeia a produção de insulina e o acúmulo indesejado de gordura no corpo.

 Para que o uso da abóbora seja realmente efetivo na dieta para perder peso, é preciso que o fruto entre como um substituto de algum alimento mais calórico que normalmente é ingerido, desta forma você queimará mais calorias do que consome diariamente. 

 

 Benefícios da abóbora para diabéticos: Abóboras são baixas no índice glicêmico e, assim, pode ser útil para pessoas que sofrem de diabetes. Abóboras são conhecidas para auxiliar na produção de insulina e curar os tecidos pancreáticos. Omega-3 (ácido alfa-linolênico) está presente em sementes de abóbora e eles são recomendados para diabéticos.

 

 Benefícios da abóbora em prevenir o câncer: Abóboras são ricas em antioxidantes, especialmente os carotenoides. Estes antioxidantes ajudam no combate ao metabolismo das células cancerígenas. Da mama, do colo do útero, de pulmão, do cólon e cancro da pele podem ser prevenidos pelo seu consumo.

Benefícios da abóbora Para o Coração: As abóboras são excelentes para o coração, devido à presença de folatos, carotenoides e magnésio. O Magnésio age como um relaxante dos vasos sanguíneos, assim, reduz a pressão arterial elevada e restringe doenças como derrames e ataques cardíacos. Arteriosclerose ou seja, o endurecimento das artérias, também pode ser prevenida pelo consumo de abóboras.

 

 Benefícios da abóbora para os olhos: DMRI (degeneração macular relacionada à idade) pode ser adiada por ingestão de abóbora. Por ser rica em antioxidantes, nomeadamente zeaxantina, ajuda na proteção da retina dos olhos de raios UV nocivos e outros estresses oxidativos. Carotenoides, nomeadamente alfa e beta carotenos, estão presentes na abóbora. Estes são benéficos aos olhos, e a cegueira noturna pode ser prevenida com a ingestão. A luteína e a zeaxantina são outros compostos presentes nas abóboras que podem ser benéficos contra a catarata.

 

 Benefícios da abóbora no combate à constipação: Abóboras são ricas em fibras alimentares. Elas têm propriedades laxantes e, portanto, podem ajudar no fácil movimento do intestino e manter o trato intestinal limpo.

As sementes de abóbora são ricas em zinco: O zinco é altamente benéfico para a boa saúde da próstata. A hiperplasia prostática benigna pode ser restringida em homens por seu consumo.

 Trata vermes intestinais: Há registro do consumo de sementes de abóbora para tratar infestação de parasitas do intestino em humanos e animais de estimação, tanto entre índios americanos, quanto entre nativos africanos e mesmo por populações do interior do Brasil.

 As sementes de abóbora contêm um aminoácido chamado cucurbitina, ele é o responsável por paralisar e eliminar os vermes, especialmente a tênia, do trato digestivo.

 Benefícios da abóbora para os Rins: Suco de abóbora é recomendado para pacientes com pedras nos rins e doenças relacionadas à vesícula. Mesmo úlceras e acidez podem ser mantidas à distância pelo seu consumo.

 Benefícios da abóbora para ossos e o esmalte dos dentes: Benefícios da abóbora incluem o fortalecimento dos ossos e do esmalte dos dentes.  O zinco e o magnésio presentes, tornam-se benéficos para os ossos e dentes. Doenças como a osteoporose pode ser evitado por ele.

 Benefícios da abóbora em impedir a Artrite: Abóbora tem propriedades anti-inflamatórias e é útil contra a artrite. 

Melhora a qualidade do sono: Sementes de abóbora são ricas em triptofano, um aminoácido responsável por auxiliar na produção de serotonina no nosso corpo. Um neurotransmissor que melhora o humor, ajuda a relaxar e a dormir melhor.

 Beneficia o Sistema imunológico: A abóbora é rica em betacaroteno e vitamina C. Combinados, oferecem um reforço ao sistema imunológico devido à complementação poderosa entre tais nutrientes.

 Melhora a saúde da mulher da fertilidade à menopausa: Segundo publicações da Harvard Medical School, o consumo de alimentos ricos em ferro como a abóbora melhora o nível de fertilidade nas mulheres. Estudos também mostram que a vitamina A, também presente na abóbora em forma de betacaroteno, é essencial para a síntese de hormônios durante a gravidez e o período de amamentação.

 Previne rugas: Este não está entre os benefícios da abóbora mais conhecidos, mas é muito interessante. Especialistas afirmam que a abóbora é uma ótima fonte de vitamina A, um anti-idade que estimula o processo de renovação celular e aumenta a produção de colágeno, diminuindo a formação de rugas e deixando a pele mais macia e com uma aparência mais jovem. 

As sementes da abóbora reduzem o Stress: As sementes de abóbora são ricas em aminoácidos. Elas contêm triptofano, que é convertido em serotonina. A serotonina é um composto neurotransmissor, que é conhecido por aliviar a ansiedade e as atividades relacionadas com o estresse. 

  

  Óleo da semente de abóbora: É rico em estrógenos naturais. Estes estrógenos podem levar a um aumento significativo no colesterol bom (HDL), juntamente com a diminuição da pressão arterial, o que influencia na ocorrência diminuída de dores de cabeça, dores nas articulações e outros sintomas da menopausa nas mulheres.

 

 

 Enriquece a dieta de bebês: O purê de abóbora pode ser introduzido já no primeiro ano do bebê. Por ser um alimento rico em vitaminas, betacaroteno, potássio, proteína e ferro, ele é altamente recomendado por pediatras.  O seu sabor adocicado e a textura cremosa faz com que o bebê o aceite com facilidade. Outra vantagem da abóbora na alimentação dos bebês é que o creme pode ser congelado e guardado para ser usado posteriormente.

 

 ► Dica: Depois de congelado o purê pode oxidar um pouco e apresentar uma cor mais escura, mas isso não indica que tenha perdido sua qualidade.

Abóbora
Cucurbita pepo